O que é a aquaplanagem?

Aquaplanagem acontece quando a água acumula à frente dos seus pneus mais rapidamente do que o peso do seu veículo a é capaz de deslocar. O resultado é que a água provoca uma certa pressão por baixo do pneu, criando assim uma camada fina de água entre a borracha e a superfície da estrada. 

Porque é que isto é tão perigoso?

Essa camada fina de água é a diferença entre o seu pneu se agarrar ao piso e o seu carro perder completamente o contacto - deslizando assim de forma descontrolada. Quanto mais funda for a água, e maior for a sua velocidade, maior é a probabilidade de isto acontecer. Sem contacto com a estrada, você não será capaz de travar ou de controlar a direção.

Quais os fatores que contribuem para a aquaplanagem?

A velocidade é o maior fator para se dar a aquaplanagem, isto porque os seus pneus simplesmente não têm tempo para direcionar a água para fora antes de serem erguidos da superfície. Porém, a velocidade não é o único fator. Outras variáveis incluem:

  • Design do relevo. Alguns padrões de relevo canalizam a água de forma mais eficaz que outros. Por exemplo, os nossos pneus RainSport 3 e RainExpert 3 foram projetados para elevada eficácia em piso molhado.
  • Tamanho do pneu. A área de contacto, ou seja: o tamanho e a forma da superfície do pneu em contacto com a estrada, terá um efeito direto no seu risco de aquaplanagem. Quanto maior for a área de superfície, menor será o risco.
  • Profundidade do relevo. À medida que os seus pneus se desgastam, a sua profundidade é reduzida - deixando menos espaço para a água ser canalizada para fora.
  • Pressão do pneu. Por diferentes motivos, tanto pneus com pressão a menos como os com pressão a mais, poderão aumentar o seu risco de aquaplanagem.
  • Profundidade da água. Quanto mais funda for a água, mais difícil será para os seus pneus manterem a sua aderência.
  • Composição da água. Fatores como óleo, sujidade, sal e temperatura ambiente poderão afetar a densidade da água à superfície.
  • A transmissão do veículo. Em certas condições, será mais provável a aquaplanagem em veículos de 4 rodas motrizes do que nos de 2 rodas motrizes.
  • Peso do veículo. Quanto mais leve for o carro, maior será a probabilidade de aquaplanagem.
  • Estado da superfície da estrada. É mais provável aquaplanar em estradas lisas do que em superfícies sulcadas.


Como sei se estou a aquaplanar?

Quando as suas rodas motrizes perdem aderência à estrada, notará uma elevação na aceleração do motor para além de uma leitura inexata no seu velocímetro, à medida que as rodas começam a girar.

Se estiver a fazer uma curva e perder a tração nas suas rodas dianteiras, o seu carro será desviado para fora da curva. Se os seus pneus traseiros perderem tração, deslocar-se-á lateralmente em derrapagem. Caso todos os quatro pneus percam a tração de imediato, o seu carro deslizará em linha reta. Se estiver a virar quando isto acontece, deslizará para fora da curva. Quando qualquer um dos pneus recuperar a sua tração, poderá experimentar um puxão súbito na direção em que esse pneu estiver virado.

Quando é que a aquaplanagem principalmente acontece?

Terá maiores probabilidades de aquaplanar ao conduzir sobre poças ou água parada. Nem sempre é fácil ver a profundidade de uma poça, portanto modere a sua velocidade caso esteja a chover muito.

As poças tendem a formar-se ao lado da estrada, ao longo da borda do passeio. Assim, se tem estado a chover, conduza mais perto do centro da estrada ou via.

Conduza sobre os rastos de água deixados pelos carros à sua frente. Os pneus deles já terão deslocado muita da água superficial que os seus pneus teriam que deslocar de qualquer forma.

Porque é que os sistemas de controlo de estabilidade eletrónicos não previnem a aquaplanagem?

Os sistemas de controlo de estabilidade eletrónicos apenas funcionam quando você estiver em contacto com a estrada. Sendo que eles talvez lhe poderão ajudar a recuperar de uma derrapagem assim que o pneu recuperou a sua tração, eles não podem ajudar na prevenção da aquaplanagem. 

Como um à parte, nunca deverá usar o controlo da velocidade de cruzeiro ao conduzir em estradas molhadas ou frias visto que poderá ter que reduzir a sua velocidade de forma suave e manual.

Porque é que os pneus Uniroyal têm uma reputação tão boa em termos de proteção contra aquaplanagem?  

A Uniroyal inventou o pneu de chuva em 1969 e, desde então, os seus projetistas e engenheiros foram pioneiros em tecnologia de pneus para piso molhado. A Tecnologia Shark Skin Technology (SST) usada nos nossos pneus RainSport 3 e RainExpert 3, por exemplo, dispersam a água eficazmente e rapidamente, reduzindo assim o risco de aquaplanagem.

Uniroyal. Uma marca do grupo Continental